Beleza

Cabeça fresca

October 20, 2015

Agora que meu cabelo está mais comprido e com luzes, tenho evitado lavar todos os dias, como antes. Além de ser mais difícil de secar e arrumar, não quero que a cor vá embora tão rápido. Porém, não tem como evitar que a raiz fique oleosa.

Por isso tenho tentado métodos para conseguir viver pelo menos dois dias sem ter que lavar a cabeça. Assim, na hora de usar o condicionador ou a máscara, tomo cuidado para não aplicar na raiz. Quando esses produtos são aplicados no couro cabeludo podem deixá-lo mais oleoso. Isso sem falar que se você não enxaguar direito depois, essa área pode ficar irritada e levar a uma série de outros problemas, como a seborreia, por exemplo.

No entanto, apesar dos meus esforços, não tem muito jeito. A oleosidade é algo natural e ela vem, deixando o cabelo colado, pesado e feio. A solução mais prática e eficiente que encontrei foi usar shampoo seco! Sempre no dia seguinte à lavagem, logo pela manhã, aplico o meu shampoo seco. A dica é borrifar o jato do spray a uma distância de 20cm a 30cm dos fios para que o produto não se concentre em uma região apenas, e não deixe o cabelo branco. É importante ir na direção da raiz do cabelo, que é de onde vem a oleosidade, obviamente.

Meu shampoo seco (na foto) é da marca inglesa Batiste e é excelente. Existem várias opções de fragrâncias e até alguns para cabelos castanhos, loiros ou para dar volume. O que tenho é o Fresh, de cheirinho fresco e de limpeza o que ajuda a desodorizar o cabelo.

O preço é bem ok. Existem de outras marcas bem mais caras, mas esse é bom e não custa tanto (atualmente, cerca de uns R$ 37,90). A embalagem em aerosol é perfeita e por ser compacta, dá para levar na bolsa ou em viagem. A fragrância também acho bem gostosa.

Nota geral: 9,87

Fragrância: 9,5

Embalagem: 10,0

Eficácia: 10,0

Preço: 10,0

You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply